Secretário da Setec/MEC participa da inauguração do Campus Avançado Bonfim do IFRR

por Rebeca publicado 12/11/2019 16h05, última modificação 13/11/2019 08h56
A inauguração da sede própria do Campus Avançado Bonfim ocorre dia 14, às 9 horas
Secretário da Setec/MEC participa da inauguração do Campus Avançado Bonfim do IFRR

Secretário Ariosto Antunes - Ft Conif

O secretário de Educação Profissional e Tecnológica do Ministério da Educação, Ariosto Antunes Culau, chega a Roraima nesta quarta-feira, 13. Ele vem participar da inauguração da sede própria da mais nova unidade do Instituto Federal de Roraima, o Campus Avançado Bonfim (CAB), que ocorre dia 14 de novembro, às 9 horas.

Antunes chega a Boa Vista próximo do meio-dia e, na parte da tarde, segue para visita ao Campus Novo Paraíso, localizado na BR-174, Km 512, na Vila Novo Paraíso, Município de Caracaraí. Lá ele vai conhecer as atividades de ensino, pesquisa e extensão desenvolvidas na unidade.

Entre as pesquisas desenvolvidas no Campus Novo Paraíso, o segundo mais antigo do IFRR, estão duas que resultaram em depósitos de patentes da instituição: a lenha ecológica em formato de briquete de resina de breu e o aditivo natural antioxidante a partir do extrato de fruto de tucumã para uso de biodiesel.

Além de verificar de perto o que vem sendo desenvolvido, o secretário terá a oportunidade de conhecer as peculiaridades de uma unidade de ensino instalada no meio da Amazônia brasileira que, para garantir o acesso de centenas de jovens ao ensino público gratuito e de qualidade, tem um alto custo de funcionamento, em especial com rotas de transporte.

A inserção do custo amazônico é um tema que há muito vem sendo debatido em reuniões de reitores da Rede Federal. A reitora do IFRR, Sandra Mara Dias Botelho, lembra que, em junho deste ano, durante reunião ordinária do Conselho Nacional das Instituições da Rede Federal de Educação Profissional, Científica e Tecnológica (Conif), foi aprovada a inserção do custo amazônico na Matriz Orçamentária do Conif para 2020.

Reitora Sandra Mara Botelho
Reitora Sandra Mara Botelho

Isso representa a inserção de 5% no custeio de cada instituição da Região Norte, do Maranhão e do Mato Grosso. Conforme Sandra Mara,  o orçamento do próximo ano permanece sem essa alteração. “Agora, o próximo passo é aguardar a Subsecretaria de Planejamento e Orçamento (SPO), do MEC, fazer essa modificação, para que possamos garantir a oferta do ensino de qualidade sem comprometer outras ações”, disse.

CAB – No dia 14, às 9 horas, o secretário participa da inauguração do CAB. Conforme Sandra Mara, a implantação desse campus no Bonfim cumpre a missão do Instituto Federal de Roraima, que é ofertar cursos profissionalizantes que contribuam para atender às demandas de desenvolvimento local e regional.

“A inauguração do prédio próprio, de certa forma, presta contas à comunidade dos recursos públicos investidos na obra, oriundos tanto de transferência de execução descentralizada (TED) da Setec como de emenda parlamentar. Além disso, é um espaço público adequado para que os nossos servidores desenvolvam plenamente suas funções", disse a reitora.

O CAB iniciou suas atividades no segundo semestre de 2014. Até agosto deste ano estava instalado de forma provisória na Escola Estadual Argentina Castelo Branco, espaço cedido pela Secretaria Estadual de Educação de Roraima para as atividades administrativas e pedagógicas.

Novo prédio do CAB
Novo prédio do CAB

No dia 26 de agosto deste ano, a unidade mudou-se para o prédio próprio, localizado na Avenida Tuxaua Farias, s/n, Bairro Treze de Maio, no Município do Bonfim. Atualmente, conta 20 servidores, entre professores e técnicos administrativos, e 144 alunos em sala de aula. O novo espaço tem 939,12m² de área construída. O investimento foi na ordem de R$ 2.092.156,54.

Com acessibilidade e sistema de prevenção contra incêndios, a estrutura contempla 2 salas de aula, cada uma com capacidade para 35 alunos; 13 salas administrativas, 1 laboratório de informática, 1 biblioteca, 1 área de convivência, 1 cantina e 2 banheiros masculino e  feminino com acessibilidade.  

Depois de iniciar as atividades no segundo semestre de 2014, a unidade, em 2015, começou a ofertar o curso Técnico em Comércio Exterior subsequente e, em 2016, o curso Técnico em Administração subsequente. Desde o início do seu funcionamento até hoje, o campus já formou mais de 200 profissionais.

A unidade ainda atua na Educação a Distância (EAD), modalidade em que já formou técnicos em agronegócio e agentes comunitários de saúde, e oferta cursos de formação inicial e continuada (FIC) em diferentes áreas, possibilitando a capacitação da comunidade em cursos como o de Língua Brasileira de Sinais (Libras), Auxiliar de Secretaria Escolar, Auxiliar Administrativo, entre outros.

 

 

Texto: Rebeca Lopes
Fotos:
Ascom/Reitoria
12/11/1

« Dezembro 2019 »
month-12
Do Se Te Qu Qu Se Sa
1 2 3 4 5 6 7
8 9 10 11 12 13 14
15 16 17 18 19 20 21
22 23 24 25 26 27 28
29 30 31 1 2 3 4